Fale conosco, estamos on-line!
FALE COM A ARQUITETA SHEILA

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007















O povo maia habitou a região das florestas tropicais das atuais Guatemala, Honduras e Península de Yucatán (região sul do atual México). Viveram nestas regiões entre os séculos IV a.C e IX a.C. Entre os séculos IX e X , os toltecas invadiram essas regiões e dominaram a civilização maia.


A base da economia maia era a agricultura, principalmente de milho, feijão e tubérculos. Suas técnicas de irrigação eram muito avançadas. Praticavam o comércio de mercadorias com povos vizinhos e no interior do império.Ergueram pirâmides, templos e palácios, demonstrando um grande avanço na arquitetura. O artesanato também se destacou: fiação de tecidos, uso de tintas em tecidos e roupas.


quinta-feira, 13 de dezembro de 2007





















As fortalezas incas.

Os edifícios incas se caracterizam pela monumentalidade e sobriedade. Suas cidades eram verdadeiras fortalezas, construídas com grandes muralhas de pedra. Os incas eram mestres em cortar e unir grandes blocos de pedra; a cidade-fortaleza de Machu Picchu é o exemplo mais espetacular dessa arte. Machu- Picchu foi descoberta em 1911, no topo de uma montanha de 2.400 m de altura, numa região inacessível da cordilheira dos Andes. Outras construções incas importantes ficam em Cuzco e Pisac. Cuzco, a capital do Império, tem uma rígida planificação urbana em forma quadriculada.

O aspecto mais notável dessa arquitetura é a espantosa destreza a que esse povo chegou no trabalho com a pedra. Por isso é possível encontrar três tipos de construção estreitamente relacionados com os gêneros arquitetônicos.




Obras civis de pouca importância, fortalezas, torres, templos, palácios e edifícios do governo tinham em suas estruturas pedras arduamente trabalhadas e esculpidas pelos trabalhadores incas. Tais pedras eram constituídas do mais puro granito branco e seus vértices esculpidos em diversos ângulos (de até 40 graus) de tal maneira que os blocos se encaixassem perfeitamente uns nos outros sem a utilização de argamassa ou cimento e que o espaço entre um bloco e outro fosse impenetrável mesmo pela mais fina lâmina. As pedras, para que pudessem resistir aos freqüentes tremores de terra, tinham forma trapezoidal e eram tão pesadas que chegavam a atingir três toneladas.


quarta-feira, 12 de dezembro de 2007








A arquitetura tailandesa tem base religiosa e está presente nos Mosteiros, palácios e templos budistas.
Os templos são chamados de Wat. São construídos em madeira.
Uma curiosidade deve ser observada nas construções thais: elas apresentam a chamada "casa dos espíritos". Segundo os tailandeses, é onde vivem os espíritos que protegem a casa. Ela é tão importante que geralmente se planeja antes da construção da casa ou edifício. Deve ser mais bonita e decorada que a construção principal, e uma vez inaugurada com uma cerimônia, os thais fazem oferendas diárias de flores, velas, luzes coloridas, incensos e até punhados de comida. Desta forma os espíritos ficam calmos e não atrapalham o cotidiano das pessoas. Segundo a crendice dos tailandeses, isso evita também que os espíritos morem dentro de casa junto deles. Esse espaço deve ficar num local em evidência, longe da sombra da construção principal.






domingo, 2 de dezembro de 2007







As Cariátides eram colunas com a forma de estátuas de mulheres que suportavam na cabeça todo o peso do entablamento e da cobertura da construção.Por vezes utilizadas em substituição ,na arquitetura grega, às colunas de sustentação convencional. Mais uma característica da genialidade da arquitetura Grega.

Os arquitetos da antiguidade eram mais do que arquitetos, eram gênios iluminados.

quinta-feira, 29 de novembro de 2007






















Palácio Real de Oslo- Noruega.


O Palácio Real foi construído na primeira metade do século XIX como a residência norueguesa do rei Carlos III João . Foi projetado pelo arquiteto Hans Linstow(1787-1851).

Estilo Neo-Clássico.

domingo, 25 de novembro de 2007











CN TOWER- Toronto- Canadá


Com 553 m de altura, abriga, além dos transmissores de rádio e TV, um mirante e um restaurante giratório com vista para toda a cidade.Os elevadores levam 58 segundos para subir a 355 metros de altura, numa velocidade de 22 Km/segundo.
O que mais impressiona é o Glass Floor, onde se pode ficar em pé ou sentado sobre uma plataforma de vidro a uma altura de 350 metros.

sábado, 17 de novembro de 2007




Olha só que interessante e exótico!


Uma empresa estatal de Dubai, Omniyat Properties, planeja construir um grande edifício com uma arquitetura inspirada no iPod da Apple.



Será desenhado pela empresa de arquitetura James Law Cybertecture Internacional, com um ângulo de seis graus de inclinação (posição em que o iPod é colocado nas caixas de som).


Bem diferente!Algumas pessoas não gostam, eu adorei. Arquitetura futurista tem seus encantos.


A arquitetura mostrando a tecnologia e a tecnologia mostrando a arquitetura.


Aí com certeza,uma homenageando à outra.


segunda-feira, 12 de novembro de 2007




Um castelo (diminutivo de castro) é uma estrutura arquitetônica fortificada, com funções defensiva e residencial, típica da Idade média.
Castelos verdadeiros só apareceram no século IX, particularmente em resposta às incursões vikings e parcialmente como manifestação do descentralizado poder político feudal. Do século IX ao século XV, milhares de castelos foram construídos pelo continente. Em 1905, um censo na França identificou mais de 10.000 castelos somente naquele país.
Os primeiros castelos eram de um tipo conhecido como "motte and bailey". Motte era um largo e nivelado monte de terra, tipicamente com 50 pés de altura. Uma larga torre de madeira era construída em cima do monte. Abaixo do monte havia um terreno cercado com uma paliçada de madeira chamada de bailey. Nesse terreno cercado eram construídos depósitos, galinheiros e choupanas. Tanto o monte quanto a paliçada eram uma pequena ilha cercada por um fosso cheio d'água, escavado para a construção do monte. Uma ponte e um caminho íngreme e estreito conectavam as duas partes do castelo. Em tempos de perigo, as forças defensivas recuavam para a torre se a paliçada não pudesse ser defendida.
No século XI, a madeira e a terra começaram a ser substituídas pela pedra na construção de castelos.
Elementos de um castelo:

seteiras ou troneiras.

adarve ou caminho da ronda

muro ameado, cuja largura variava de um a quatro metros.

Torres

Torre de Menagem

Valas, fossos, e pontes levadiças

Porta levadiça

Barbacã

Fonte: Wikipédia.

sábado, 10 de novembro de 2007


Olha que máximo o hotel de gelo no Canadá.
As formas em que o hotel é moldado são baseadas nas abóbadas catenárias, um molde feito pela suspensão de uma corrente de peças entre dois pontos. A adega do Ice Bar, por exemplo, é inspirada na catedral basílica de Reims, na França As camas também são de gelo, e um eficiente sistema de bolsas de dormir (sleeping bags) garante uma confortável noite de sono. O hotel derrete e some na paisagem, no início da Primavera Boreal.
Não é o máximo?
Lá dentro é como se fosse o interior de uma garrafa térmica, enquanto fora faz cerca de 25º negativos, aí dentro fica em torno de -5°.
São 400 toneladas de gelo e 12 mil toneladas de neve. Suas paredes tem 1,3 metros de espessura 5,4 metros de altura.





























Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado.


Rui Barbosa.

quinta-feira, 8 de novembro de 2007




Urbanismo.


O urbanismo é a disciplina e a atividade relacionadas com o estudo, regulação, controle e planejamento da cidade (em seu sentido mais amplo) e da urbanização. Sua definição porém, sempre varia de acordo com a época e lugar. No entanto, costuma-se diferenciá-lo da simples ação urbanizadora por parte do homem, de forma a que o urbanismo esteja associado à idéia de que as cidades são objetos a serem estudados, mais do que simplesmente trabalhados. Também, entretanto, não é uma disciplina que se confunde com ramos de outras ciências mais amplas (como a geografia urbana ou a sociologia urbana, embora mantenha interfaces com elas).
O Urbanismo mostra-se, portanto, como uma ciência humana (ciência aplicada), de caráter eminente multidisciplinar, inserida no contexto próprio de uma sociedade em processo de constante crescimento demográfico e respondendo a uma forte pressão de civilização e urbanidade, enfrentando suas demandas e problemas. Numa perspectiva simplista, o urbanismo corresponde à ação de projetar e ordenar as cidades. No entanto, sob um ponto de vista mais amplo, o urbanismo pode ser entendido tanto como um conjunto de práticas ou de idéias, quanto como uma forma ideológica que visa reproduzir as condições gerais do modo de produção capitalista. Segundo este ponto de vista, atualmente tanto o Capital quanto o Estado se apropriam da prática e teoria (entendendo-os como ideologia) do urbanismo como um mecanismo gerador de lucro.
Portanto, o estudo do urbanismo deve ser uma atividade multidisciplinar e complexa que dialoga principalmente com a arquitetura (em seu sentido mais comum), com a arquitetura da paisagem, com o design e com a política. Ele necessita da contribuição de áreas do conhecimento como a ecologia, geologia, ciências sociais, geografia e outras ciências.
A palavra deriva-se dos estudos do engenheiro catalão Ildefonso Cerdá, responsável pelo projeto de ampliação de Barcelona na década de 1850. Apesar de jamais ter usado o termo urbanismo, Cerdà cunhou o termo urbe para designar de modo geral os diferentes tipos de assentamento humano e o termo urbanização designando a ação sobre a urbe. Destes termos muito próximos surgirá o nome urbanismo no início do século XX. Cerdà publicou extensos estudos sobre as cidades de Barcelona e Madri, que versavam sobre os mais diversos aspectos da cidade indo desde questões técnicas (como a análise da rua e seus sistemas de infraestrutura) até questões teóricas e territoriais, (i.e.: como ligar as cidades em uma grande rede nacional?). Um compêndio expandido e revisado, a Teoria Geral da Urbanização, publicado em 1867, resulta de seus estudos anteriores e é a publicação mais notória de Cerdà.


Fonte: Wikipédia.













Ópera House.

Em 1973, Opera House em Sidney ficou concluída, tornou-se de imediato um marco, não só para a Austrália mas para todo o mundo.Este edifício é verdadeiramente especial e único por não imitar, nem tão pouco reflectir, o que seria de esperar de um edifício com um propósito tão definido como o de uma Ópera, sendo uma interpretação simultaneamente funcional e abstracta.A concepção do edifício nasceu da mente de Jorn Utzon, um arquitecto dinamarquês cujo projecto para a Sydney Opera House foi universalmente considerado não só inovador mas também revolucionário para os padrões arquitetônicos .A Ópera de Sydney tem cerca de 1000 divisões, incluindo cinco teatros, cinco estúdios de ensaio e dois auditórios, fora os espaços de lazer.

Essa também é uma das obras arquitetônicas que mais gosto.

quarta-feira, 7 de novembro de 2007








Uma das minhas construções

favoritas.


O Taj Mahal (em hindi ताज महल, persa تاج محل) é um mausoléu situado em Agra, uma cidade da Índia e o mais conhecido dos monumentos do país. Encontra-se classificado pela UNESCO como Patrimônio da humanidade. Foi recentemente anunciado como uma das Novas Sete Maravilhas do mundo moderno.
A obra foi feita entre 1630 e 1652 com a força de cerca de 22 mil homens, trazidos de várias cidades do Oriente, para trabalhar no sumptuoso monumento de mármore branco que o imperador Shah Jahan mandou construir em memória de sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam, a quem chamava de Mumtaz Mahal ("A jóia do palácio"). Ela morreu após dar à luz o 14º filho, tendo o Taj Mahal sido construído sobre seu túmulo, junto ao rio Yamuna.
Assim, o Taj Mahal é também conhecido como a maior prova de amor do mundo, contendo inscrições retiradas do Corão. É incrustado com pedras semi-preciosas tais como o lápis lazúli entre outras.

Fonte: Wikipédia.

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Sistemas de certificação para edifícios sustentáveis.

Sistemas de certificação para edifícios sustentáveis.
LEED - Liderança em Energia e Design Ambiental. Criado pelo conselho do United States Green Building Council- EUA
Nabers- Australian Building Environmental Rating System) - Austrália

Freedom Tower


O prédio inteligente Freedom Tower, de 541m de altura, será levantado no lugar das torres gêmeas. Terá 108 andares ( só 82 andares ocupados ).
Freedom tower poderá ser o edifício mais alto das Américas, vai ultrapassar a torre mais alta do mundo, Taipei 101, em Taipei, que alcança 508 metros.
No entanto, não adquirirá esse título, uma vez que o arranha céu Burj Dubai em 2009, terá mais de 700 metros.

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

BedZED


Sul de Londres(2001).

Condomínio verde mais emblemático do planeta.

Urbanização Energia zero de Beddington, formada por 100 casas e escritórios, consome apenas 10% da energia de uma urbanização convencional no seu aquecimento. Nos telhados, possui sistema de aproveitamento da água das chuvas.

terça-feira, 23 de outubro de 2007

Arquitetura sustentável


A partir de hoje mostrarei em meu blog exemplos de arquitetura sustentável.

Edifício Acros.

Fukuoka- Japão

Arquiteto- Emilio Ambasz ( argentino )

Uma sucessão de varandas carregadas de plantas acompanha os 14 andares do edifício.

Cada uma delas recebeu 35 mil mudas de 76 espécies, que deixam a temperatura interior mais constante e confortável e promovem redução do consumo de energia. Além disso, o verde captura a água da chuva e sustenta a vida de insetos e pássaros.
O planeta pede uma arquitetura humanizada para combater as alterações climáticas. Só assim ela pode oferecer saúde e conforto.
O ser humano está atrás de novas estratégias desde os anos 70. E já deu grandes saltos nestes últimos 20 anos.

O real


O real não é para ser visto nem ouvido, mas captado no silêncio e na nudez.

Taoísmo

A busca da imortalidade.

John Brafeld

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Hoje é dia da ecologia e dos animais.
Vamos cuidar da natureza.
Ela nos oferece de tudo e não cobra nada por isso.

Oração pela Paz


São Francisco de Assis.
Essa oração foi atribuída a ele.´


Senhor, fazei de mim um instrumento da vossa paz.
Onde há ódio, que eu leve o amor.
Onde há ofensa, que eu leve o perdão.
Onde há discórdia, que eu leve a união.
Onde há dúvida, que eu leve a fé.
Onde há erro, que eu leve a verdade.
Onde há desespero, que eu leve a esperança.
Onde há tristeza, que eu leve a alegria.
Onde há trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre,Fazei que eu procure mais consolar que ser consolado;
compreender que ser compreendido;amar que ser amado.
Pois é dando que se recebe,é perdoando que se é perdoado,
é morrendo que se vive para a vida eterna.

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Oração da serenidade.


Concedei-nos, Senhor a serenidade necessária para aceitar as coisas que não podemos modificar; coragem para modificar aquelas que podemos, e sabedoria para distinguir umas das outras.

FELIZ ANIVERSÁRIO GIFS. HAPPY BIRTHDAY GIFS

Olá todos!! Esses gifs são para vocês compartilharem com amigos e família. Criados por mim. Divirtam-se e divulguem meu blog! Abraços. ArqS...